Notícias e Eventos


UEMA cria agência de inovação e empreendedorismo e reforça necessidade de valorização da produção científica

Publicação: 19/11/2021

Em março de 2020, pouco antes do início da pandemia, era anunciada a criação da Agência de Inovação e Empreendedorismo da Universidade Estadual do Maranhão (Marandu). De origem indígena, a palavra "marandu" vem do idioma guarani e significa “novidade”, denominação que casou perfeitamente com o propósito da iniciativa.  

A agência norteia toda produção científica e tecnológica da instituição, garantindo que o conhecimento gerado na Universidade possa ser útil ao setor produtivo, público e toda a sociedade. 

“A Marandu tem o propósito de aproximar a universidade do mercado, contribuindo com oportunidade de investimentos, pesquisas, produtos e soluções inovadoras. Por meio desse organismo, pretendemos articular de modo inteligente e propositivo a relação da academia com o setor de negócios, a orientar o conhecimento para as necessidades dos diversos mercados”, explicou o Reitor da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Prof. Dr. Gustavo Costa. 

UemaFoto: Handson Chagas. 

Com 40 anos de história e tradição na educação, a UEMA é mais uma apoiadora do  B-tech Congress, o primeiro Congresso de Pesquisas Tecnológicas em Negócios, evento promovido pela FUCAPE Business School, que acontece entre os dias 08 e 11 de dezembro de 2021. 

“Um evento como o B-Tech, capitaneado por uma instituição de grande credibilidade como a Fucape, tem a característica de aproximar as organizações e partilhar conhecimentos que geram novos saberes. O apoio da UEMA a este Congresso justifica-se por essa atmosfera útil para o debate, reflexão e convergência que reúne a academia e o mercado em favor do ecossistema de negócios”, afirmou o reitor.  

Para Prof. Gustavo, um dos maiores desafios das universidades, no contexto atual, é demonstrar permanentemente para a sociedade, a importância da ciência para um desenvolvimento que seja sustentável e que se oriente para o bem-estar individual e coletivo.   

Precisamos dialogar de modo ampliado com outras instituições e movimentos sociais, além dos setores público e empresarial, a fim de mostrarmos o que produzimos, para quem e porquê. Acredito, como legado da pandemia, num momento de novo iluminismo, de novos paradigmas e com inéditas consequências. O desafio de produzir conhecimento orientado para a cidadania e para melhorar a vida no planeta reforçou-se como uma ordem de primeira grandeza”, ressaltou.  

Thumbnail Img 5053 Reitor da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Prof. Dr. Gustavo Costa. 

Tendo em vista a priorização dos debates em torno da ciência e da inovação, a expectativa da UEMA para o B-tech é grande, principalmente pelo caráter inédito do evento. Nomes importantes da Universidade são esperados no congresso, já que a instituição possui professores e pesquisadores com larga experiência em pesquisa orientada para o ambiente de negócios.  

“Estou certo de que teremos participação de uma grande diversidade de organizações, representadas por pessoas com múltiplas competências e visões de mundo. Isso confere ao B-Tech um universo de possibilidades de aprendizagens, parcerias, propostas conjuntas e formação de redes de cooperação. A UEMA está disposta a percorrer esse caminho por meio de seus pesquisadores e técnicos, bem como de seus estudantes”, finalizou Prof. Gustavo.  

B-Tech Congress - I Congresso de Pesquisas Tecnológicas em Negócios

8 a 11 de dezembro de 2021

FUCAPE Business School – Vitória/ES

INSCRIÇÕES

As inscrições para o B-tech Congress acontecem até o dia 20 de novembro de 2021.

Para se inscrever, clique aqui

Confira abaixo as datas e a programação do evento:

31/10/2021 - Data limite para submissão dos trabalhos.

06/11/2021 - Divulgação dos resultados.

01/11 a 20/11/2021 - Período de inscrições.

29/11/2021 – Divulgação da programação detalhada.

08/12 a 11/12/2021 - Realização do B-Tech Congress.

Patrícia Meireles

Comunicação FUCAPE