Notícias e Eventos


Edvan Soares é o mais novo doutor em Ciências Contábeis e Administração da FUCAPE

Publicação: 08/04/2020

2020 04 06 16 36 42

Nesta segunda-feira, dia 6 de abril, o economista Edvan Soares foi aprovado como o mais novo doutor em Ciências Contábeis e Administração pela FUCAPE. O Fucapeano defendeu sua tese de doutorado intitulada “Aggregate Accounting Data and Economic Activity”. A defesa, que ocorreu de forma telepresencial, contou com participação dos professores e doutores Fernando Caio Galdi, Rodrigo Verdi (MIT), Cristiano Costa (Unisinos), Fabio Moraes da Costa (FUCAPE) e Felipe Ramos (FUCAPE).

O economista compartilhou as lições adquiridas na caminha acadêmica e quais serão os seus próximos passos. “Estou na FUCAPE desde a graduação e consigo ver uma grande mudança em mim ao longo desses quase 10 anos. É no doutorado que conseguimos ver o maior crescimento sob o ponto de vista acadêmico, desde as disciplinas, que exigem uma grande carga de estudos, quanto na elaboração e desenvolvimento da tese. Dentro da academia eu sempre me identifiquei muito mais com a sala de aula do que com a pesquisa, e talvez esse tenha sido meu maior desafio. Agora com a finalização do doutorado, pretendo seguir na vida acadêmica tanto lecionando quanto pesquisando. O grande objetivo é agregar conhecimento e o desejo de fazer isso pelas duas vertentes’, disse o mais novo doutor.

Durante o período de doutorado, Soares teve como orientador o Prof. Dr. e diretor Administrativo-Financeiro da FUCAPE, Fernando Caio Galdi.

“Desde a graduação o Edvan já se destacava pelo seu interesse e dedicação ao curso. Na pós-graduação não foi diferente, e pudemos perceber sua aptidão para a carreira acadêmica e sua evolução como pesquisador”, afirmou Galdi.

De acordo com o diretor Administrativo-Financeiro da Instituição, a tese de Soares aborda alguns pontos inovadores na relação entre informações contábeis e dados macroeconômicos, e tem potencial para contribuir para a pesquisa das áreas de contabilidade e finanças.

“Fico muito satisfeito de ver o Edvan superar todas as dificuldades e atingir seus objetivos. E ainda mais satisfeito em visualizar aonde ele poderá chegar”, acrescentou Galdi.

Tese

De acordo com Soares, sua tese tratou da relação que os dados contábeis possuem com a taxa de crescimento do PIB real.

“O principal objetivo foi discutir como a inclusão de dados contábeis de forma agregada em modelos de antecipação do PIB pode ajudar a melhorar essa previsão, que pode ser utilizada no orçamento federal e tomada de decisões a respeito de políticas econômicas. Além de mostrar a existência dessa relação, para um grupo de 102 países em um período de 18 anos, fica evidente também que essa capacidade preditiva aumenta depois que os países convergem para os moldes das IFRS. Tivemos um foco específico também em avaliar a utilização dos dados da demonstração do valor adicionado - que não é obrigatória na maior parte do mundo - e conseguimos mostrar que as variáveis contidas nessa demonstração são claramente mais informativas sobre a atividade econômica futura, o que elucida para a utilização dessa demonstração contábil”, explicou.

Daniel Alencastre
Comunicação FUCAPE