Notícias e Eventos


COVID-19: diretor-presidente da FUCAPE aborda ações e medidas adotadas na Instituição

Publicação: 03/04/2020

Há três semanas, os alunos, professores e colaboradores da FUCAPE estão em isolamento social devido à calamidade pública imposta pela pandemia do COVID-19.

“Diante do tamanho do problema, nossas ações se pautaram nos seguintes objetivos: proteção à vida; manutenção da excelência em ensino, dado que a Fucape é uma das melhores escolas de negócios da América Latina; atendimento à legislação; manutenção dos empregos; e cumprimento dos compromissos contratuais”, disse o diretor-presidente da FUCAPE, Valcemiro Nossa.

O diretor-presidente reforçou que, atualmente, a FUCAPE possui mais de 100 colaboradores, entre administrativos e professores. Por isso, as equipes adotaram a modalidade home office.

Aulas

Com o objetivo de manter a dinâmica da aula presencial, a FUCAPE adotou o modelo telepresencial, permitindo que as aulas sejam transmitidas ao vivo, com garantia de interação plena e em tempo real entre professor e aluno e entre os próprios alunos.

“Os resultados, após essas três primeiras semanas, têm sido desafiadores, mas positivos. A FUCAPE continuou a pleno vapor com suas atividades. Todas as aulas, pesquisas, defesas de dissertações e de teses foram mantidas, mas sempre com mecanismos que visam a preservação da vida e a manutenção da qualidade do ensino e da pesquisa”, explicou Nossa.

Agradecimentos

“Houve uma participação inspiradora, ativa e de cooperação entre o corpo docente, o corpo discente e o corpo administrativo.

Por isso, quero agradecer o espírito solidário de todos os envolvidos nesse processo: docentes, discentes, colaboradores da FUCAPE e diretoria. Ou seja, a todos que não mediram esforços para que as atividades fossem realizadas de maneira tempestiva e com manutenção da qualidade.

Continuamos contando com todos, pois sabemos que teremos ainda muitos desafios a percorrer!

Vamos em frente, agindo em prol da preservação da vida.

E que o espírito de solidariedade continue nos inspirando em ações que visam a proteção da coletividade.

Muito obrigado!”, completou o diretor-presidente, Valcemiro Nossa.