EnglishPortugueseSpanish

Compressão de despesas por aumento de precatórios tende a continuar no futuro próximo, diz Funchal – Money Times

O secretário especial do Tesouro e Orçamento, Bruno Funchal, afirmou nesta quinta-feira que o aumento da conta de precatórios foi “tão grande” que comprimiu as despesas discricionárias “muito mais do que se imaginava”, situação que tende a continuar acontecendo no futuro próximo.

Ao participar de audiência pública na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, ele afirmou que a alta nesses gastos é explicada principalmente por dois motivos: elevação de despesas com esqueletos no passado, com destaque para passivos do Fundef, e redução do tempo médio entre ajuizamento da ação contra o governo federal, a decisão em definitivo pela Justiça e o subsequente impacto no orçamento.

Leia a matéria na íntegra aqui

Comunicação Fucape

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Artigos Relacionados

ESPÍRITO SANTO
Avenida Fernando Ferrari, 1358, Boa Vista, Vitória – ES, CEP: 29.075-505
Rio de Janeiro
R. da Assembléia, 100 – Centro Rio de Janeiro /RJ – CEP: 20040-007
BRASÍLIA
Pátio Brasil Shopping – Asa Sul, Brasília – DF, 70740-610
MINAS GERAIS
Rua Leopoldina, 607 A, Santo Antônio, Belo Horizonte/MG – CEP: 30330-230
MARANHÃO
Av. dos Holandeses, 1166-1184 – São Marcos, São Luís – MA, 65071-380

Fucape Pesquisa e Ensino SA – 06.105.333/0001-61 | Fucape Fundação de Pesquisa e Ensino – 03.812.374/0001-08 | Instituto Fucape de Tecnologias Sociais – 20.317.623/0001-08

Skip to content