EnglishPortugueseSpanish

Reverciclo é a mais nova startup incubada no HUB FUCAPE

A Reverciclo é a mais nova startup que se junta ao Hub FUCAPE. Focada na área de resíduos sólidos e economia circular, a empresa busca criar uma espécie de Uber para otimizar a destinação dos resíduos, ou possibilitar sua venda para outras empresas, para utilização dos mesmos como insumo, reduzindo riscos e custos, e gerando receita.  

A convivência no Hub tem proporcionado a profissionalização da startup desde o nascimento, o que evita futuros problemas de gestão e planejamento estratégico. 

“Participar do Hub da FUCAPE está propiciando o acesso à recursos humanos qualificados, na figura dos alunos e professores das disciplinas. Além do network e conhecimento de ponta inerente a uma instituição de ensino de destaque”, afirma Robson Lacerda, sócio -fundador da Reverciclo. 

Dsc00328 Easy Resize.comO sócio- fundador da Reverciclo, Robson Lacerda, ao lado do time da startup. 

O descarte irregular de resíduos sólidos impacta negativamente a sociedade. Os problemas vão desde paisagísticos até de saúde pública, com a contaminação de lençóis freáticos, solo, ar e dos próprios catadores, com contaminantes químicos e biológicos. Também fomenta a procriação de vetores, como ratos, moscas e outros animais que transmitem as mais variadas doenças. 

Fundada em fevereiro de 2021, o “moonshot”* da Reverciclo é acabar com os lixões e aterros sanitários do Brasil até 2030. A longo prazo, a meta é universalizar o acesso à economia circular, para torná-la acessível do ponto de vista econômico e tecnológico. 

A iniciativa do projeto surgiu de três sócios-fundadores: Daniela, Rogério e Robson. O desejo em comum que os unia era de deixar um mundo melhor para as novas gerações, já que todos têm filhos crianças. Atualmente, o projeto conta com nove colaboradores. 

O aterro sanitário, mesmo sendo uma destinação adequada do ponto de vista legal, traz riscos importantes ao meio ambiente, por causa da possibilidade de incidentes em sua operação. A localização de um aterro sanitário deve contemplar diversos requisitos ambientais, por isso, a tendência é que seja cada vez mais difícil a abertura de novos espaços como este, após o esgotamento dos já existentes.  

Robson considera que o ambiente de inovação e aprendizagem do HUB dá suporte às startups para se inspirarem, expandirem e desenvolverem seus projetos. Assim, os resultados alcançados podem vir em termos não só financeiros, mas de toda ordem, como reputação no mercado. 

“A estruturação de um processo de acompanhamento e auxílio juntos às startups garante a assimilação de técnicas de planejamento e gestão pelas mesmas, fundamentais a qualquer negócio”, pontua. 

*moonshot: na linguagem da inovação, o Moonshot Thinking é uma forma de pensar dos empreendedores, elevando seus objetivos a um patamar inatingível, complexo e grande. O método, ao maximizar os desafios, obriga o inovador a pensar e buscar soluções “fora da caixa”

Fotos: Mariana Machado

Yan Damaceno

Estagiário de Comunicação

 

Comunicação Fucape

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Artigos Relacionados

ESPÍRITO SANTO
Avenida Fernando Ferrari, 1358, Boa Vista, Vitória – ES, CEP: 29.075-505
Rio de Janeiro
R. da Assembléia, 100 – Centro Rio de Janeiro /RJ – CEP: 20040-007
BRASÍLIA
Pátio Brasil Shopping – Asa Sul, Brasília – DF, 70740-610
MINAS GERAIS
Rua Leopoldina, 607 A, Santo Antônio, Belo Horizonte/MG – CEP: 30330-230
MARANHÃO
Av. dos Holandeses, 1166-1184 – São Marcos, São Luís – MA, 65071-380

Fucape Pesquisa e Ensino SA – 06.105.333/0001-61 | Fucape Fundação de Pesquisa e Ensino – 03.812.374/0001-08 | Instituto Fucape de Tecnologias Sociais – 20.317.623/0001-08

Skip to content